Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Filmagens da explosão junto a canal SKAI investigadas

Filmagens da explosão junto a canal SKAI investigadas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Janelas partidas, muitos destroços e um rasto de destruição são a face visível da madrugada em que uma explosão danificou parte do edifício do canal SKAI, em Atenas, sem causar vítimas.

As equipas forenses têm estado no terreno a analisar possíveis vestígios deixadas no local depois de um engenho explosivo ter sido acionado perto daquela que é uma das maiores estações televisivas da Grécia.

A brigada antiterrorismo disse que os danos poderiam ter sido ainda maiores, não fosse a onda de choque ter sido propagada pelo ar. A administração da SKAI entregou às autoridades imagens do sistema de gravação de segurança CCTV, apesar de as câmaras terem sido destruídas.

Até ao momento sabe-se que as filmagens captaram carros a passar, mas não conseguiram identificar ninguém a colocar uma bomba nas imediações. No entanto, parte da estrada encontra-se numa área que as câmaras não conseguem alcançar.

Sem suspeitos conhecidos, o ataque não surpreende quem aqui trabalha. Konstantinos Davlos é jornalista do canal SKAI e afirma que "esta não é a primeira vez que as instalações da SKAI são alvo de ataques. Poderia dizer que estamos acostumados a isso. Mas isso não nos vai impedir de fazer o nosso trabalho como sabemos e da maneira que achamos melhor".

As autoridades estão a investigar a ligação do incidente a um carro incendiado na cidade momentos antes da explosão. O veículo, com matrículas falsas, poderá ter servido para a fuga do bombista e possíveis cúmplices