Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

"As diferenças não são um defeito, são uma mais-valia"

"As diferenças não são um defeito, são uma mais-valia"
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Papa Francisco disse esta terça-feira que as diferenças “não são um defeito” ou “um perigo”, mas uma “mais-valia”, durante a tradicional mensagem de Natal, em que abordou também as questões que afetam a Venezuela e a Nicarágua.

“Somos todos irmãos”

Papa Francisco Líder da Igreja Católica

“As diferenças não são um defeito ou um perigo, são uma riqueza”, disse o Papa Francisco na tradicional mensagem de Natal, na Basílica de S. Pedro. “Somos todos irmãos”, sublinhou ainda.

O chefe da Igreja Católica manifestou o seu desejo de que a Venezuela possa encontrar “concórdia” e que, na Nicarágua, se chegue a uma “reconciliação”.

O Papa Francisco pediu ainda pelos povos “que sofrem colonizações ideológicas, culturais e económicas, vendo lacerada a sua liberdade e a sua identidade, e que sofrem de fome e falta de serviços educativos e sanitários”.

Desejou assim, nesta quadra natalícia, “fraternidade entre pessoas de todas as nações e culturas”, entre “pessoas com ideias diferentes, mas capazes de se respeitar e de se escutar”, e entre pessoas de diversas religiões.

Também durante a missa do Galo — celebrada na véspera de Natal — o sumo pontífice apelou para que se contrarie o consumismo e o egoísmo e que se reflita sobre o que realmente se precisa e, assim, se possa prescindir do que é supérfluo e partilhar com os que nada têm.