A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Acolher 2019 com um mergulho

Acolher 2019 com um mergulho
Direitos de autor
REUTERS/Pascal Rossignol
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Nos quatro cantos do mundo e mesmo nos climas mais frios, receber o Ano Novo com um mergulho num rio, lago ou mar é uma velha tradição.

Os três graus centígrados que se faziam sentir junto às margens do Danúbio, na Hungria, não desencorajaram os banhistas:

"Para mim, foi a primeira vez. Só consegui entrar na água até ao peito, mas no próximo ano mergulharei até à cabeça!"

Um dos mais famosos banhos do Ano Novo é o do lago Orankesee, em Berlim, onde há mesmo quem repita a prática de forma quotidiana, durante todo o Inverno.

Mas um dos recordes regista-se regularmente nas praias de Haia, na Holanda. Há sete anos, 10 mil pessoas marcaram presença no tradicional mergulho, graças a condições climatéricas particularmente clementes. Este ano, apesar das temperaturas bastante mais baixas, não faltaram participantes.