Última hora

Última hora

Gregos exigem exclusividade do nome Macedónia

Gregos exigem exclusividade do nome Macedónia
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas protestaram, este domingo, em Atenas contra o acordo greco-macedónio que rebatiza a Antiga República Jugoslava da Macedónia como "República da Macedónia do Norte".

O protesto foi iniciativa de grupos nacionalistas e religiosos que consideram que a designação "Macedónia" é exclusiva ao património grego e que designa uma província no norte da Grécia, onde terá nascido Alexandre o Grande.

O Acordo de Prepes foi firmado em junho de 2018 e pretende colocar fim a um desentendimento que dura há quase três décadas, desde que a Macedónia declarou independência da Jugoslávia e manteve o nome que tinha na federação.

O acordo foi já aprovado por Skopje. Em Atenas, originou uma crise política, com a rutura da coligação governamental liderada pelo Syriza. O primeiro-ministro, Alexis Tsipras, submeteu o acordo para aprovação no Parlamento, no sábado, e espera agora que seja ratificado.