Última hora

Última hora

Irão celebra aniversário da Revolução Islâmica

Irão celebra aniversário da Revolução Islâmica
Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de milhares de pessoas desfilaram nas ruas de Teerão e das principais cidades iranianas para celebrar os 40 anos da Revolução Islâmica.

O principal palco das comemorações foi a Praça Azadi (que em persa significa Liberdade), no centro da capital do país.

Os Estados Unidos e a administração Trump foram o principal alvo dos cartazes e do discurso do presidente, Hassan Rohan.

_"Para fabricar todos os tipos de mísseis antitanque e defesa antiaérea, todos os tipos de mísseis terra-mar, mar-mar, ar-ar e todos os tipos de mísseis de superfície não temos e não vamos pedir permissão a ninguém. Vamos continuar o nosso caminho e com o nosso poder militar". _

Apesar das sanções do Ocidente, a maioria dos iranianos garante que não mudava a história das últimas décadas.

No dia 11 de fevereiro de 1979 terminou o reinado do Xá da Pérsia. Desde aí a hostilidade face ao Ocidente, principalmente aos Estados Unidos, instalou-se no país.

A Revolução Islâmica deixou herdeiros e continua acesa 40 anos depois.