Última hora
This content is not available in your region

Eleições regionais na Sardenha

euronews_icons_loading
Eleições regionais na Sardenha
Tamanho do texto Aa Aa

Em Itália, as atenções estão viradas para as eleições regionais deste domingo na Sardenha.

A Liga do ministro do Interior, Matteo Salvini, tem conquistado vitórias por todo o país. Se vencer na Sardenha, o partido eurocético, que nasceu para lutar pela independência do norte, conquista o primeiro governo regional no sul e torna-se no principal partido de Itália.

Entre os habitantes da ilha as opiniões dividem-se. Há quem considere a União Europeia uma instituição que apenas dita regras do exterior e que devia dar mais atenção aos problemas das pessoas e há quem se assuma como europeísta.

As eleições na Sardenha acontecem no meio de manifestações contra a redução do preço do leite e dos protestos dos pastores e produtores de queijo, uma situação que Matteo Salvini não conseguiu controlar e que está longe de ter solução. A tensão social continua a aumentar na ilha

Os produtores garantem que vão continuar os protestos até conseguirem que os políticos estabelecem um preço adequado para o leite, que permita uma vida digna para as famílias.

A jornalista da Euronews Stefania De Michele sublinha que estas eleições não são apenas um assunto regional. Depois de Abruzzo, a votação na Sardenha é um teste à popularidade do governo e à relação entre a "Liga" e "5 Estrelas". Será também um sinal do caminho que vai seguir o eleitorado nas eleições europeias.