Última hora

Última hora

Elon Musk acusado de quebrar acordo judicial

Elon Musk acusado de quebrar acordo judicial
@ Copyright :
Reuters
Tamanho do texto Aa Aa

O regulador da bolsa dos EUA acusa Elon Musk, CEO da Tesla, de quebrar um acordo judicial.

Em causa está uma publicação que Musk fez no Twitter, sem autorização prévia, e que levou a uma perda de 5% nas acções da multinacional.

Elon Musk escreveu que a Tesla não produziu veículos eléctricos em 2011, mas que em 2019 iria produzir 500 mil, número que, mais tarde, reformulou para 400 mil.

Já não é a primeira vez que Elon Musk faz comunicados através do Twitter sem pré-aprovação.

Para a SEC, Securities and Exchange Commission, Elon Musk não cumpriu um acordo que foi feito em 2018 que proíbe o gestor de revelar informações que não sejam aprovadas por um comité da Tesla.