A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Rússia e China vetam iniciativa dos EUA sobre a Venezuela no Conselho de Segurança da ONU

Rússia e China vetam iniciativa dos EUA sobre a Venezuela no Conselho de Segurança da ONU
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Resoluções dos EUA e da Rússia sobre a Venezuela rejeitadas no Conselho de Segurança da ONU. Mantém-se o impasse provocado pelo braço entre Nicolás Maduro e Juan Guaidó.

A Rússia e a China vetaram, esta quinta-feira, uma iniciativa dos EUA no Conselho de Segurança da ONU que pedia a aprovação de uma resolução para eleições presidenciais livres e justas na Venezuela e o acesso sem restrições à ajuda humanitária.

A resolução dos EUA conseguiu o mínimo de nove votos, forçando a Rússia e a China a emitirem os seus vetos. A África do Sul também votou contra o texto, enquanto a Indonésia, a Guiné Equatorial e a Costa do Marfim se abstiveram.

A proposta russa sobre a Venezuela também fracassou na ONU por falta de apoio - foi rejeitada por 7 membros. A Rússia defendia uma não intromissão nos assuntos internos venezuelanos e só obteve o aval de China, África do Sul e da Guiné Equatorial.

As resoluções falharam e prosseguem as negociações internacionais para a resolução do impasse provocado pelo braço entre o presidente Nicolás Maduro e o líder da oposição Juan Guaidó.