A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Dirigente do Comité Olímpico do Japão abandona funções

Dirigente do Comité Olímpico do Japão abandona funções
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O homem que conseguiu trazer os Jogos Olímpicos pela segunda vez a Tóquio vai afastar-se de funções numa altura em que enfrenta acusações de corrupção.

Tsunekazu Takeda, presidente do Comité Olímpico japonês, anunciou que vai retirar-se em junho, no final deste mandato.

Takeda é acusado pela justiça francesa de corrupção ativa no processo que determinou a vitória nipónica na organização do evento desportivo em 2020.