A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Trabalhadores dos transportes criticam "dumping" social

Trabalhadores dos transportes criticam "dumping" social
Direitos de autor
REUTERS/Francois Lenoir
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os trabalhadores do setor dos transportes escolheram Bruxelas para encerrar, quarta-feira, uma semana com mais de 100 ações de protesto, por toda a União Europeia, contra o chamado "dumping" social.

O setor, que emprega dez milhões de pessoas na União, critica a deterioração das condições de trabalho, nomeadamente ao nível dos salários e beneficios de saúde e de seguridade social, precarização dos contratos e pressão dos empregadores para ignorar as regras de descanso.

A Confederação Europeia dos Sindicatos apoiou a "Semana Europeia de Ação" para o "Transporte Justo pela Europa", organizado pela Federação Europeia dos Trabalhadores dos Transportes, e os líderes sindicais europeus e nacionais juntaram-se à manifestação de Bruxelas.