A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Incerteza na Líbia provoca aumento no preço do petróleo

Incerteza na Líbia provoca aumento no preço do petróleo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O preço do petróleo atingiu o valor mais alto nos últimos cinco meses, com o barril de Brent a ultrapassar a fasquia dos 70 dólares em Londres. Uma subida a que não é certamente alheio o escalar do conflito na Líbia e a ameaça de novos cortes de produção no país africano.

Oitenta por cento do crude líbio tem como destino a União Europeia e perto de um terço a Itália, ou não fosse 30% do mercado líbio controlado pela petrolífera transalpina ENI. Cerca de 11% do petróleo consumido no Velho Continente é proveniente da Líbia.

O país africano tem no seu território 38% das reservas petrolíferas no continente e apesar da situação instável no terreno, a região sul, onde se encontram a maioria dos poços de petróleo, tem escapado incólume.

Apesar disso a ofensiva levado a cabo pelo Exército Nacional da Líbia, liderado por Khalifa Haftar, contra o governo de Tripoli, reconhecido pela ONU, promete refletir-se nos mercados. A suspensão na produção após a ofensiva de Haftar em junho custou ao país quase mil milhões de dólares.