Última hora

Mike Pompeo apela a Maduro para abrir fronteiras e renunciar

Mike Pompeo apela a Maduro para abrir fronteiras e renunciar
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Em visita de Estado à Colômbia, Mike Pompeo deixou uma mensagem para Nicolás Maduro. O Secretário de Estado norte-americano lembrou as palavras de Ronald Reagen a Mikhail Gorbachev, a propósito da queda do Muro de Berlim, e apelou ao presidente venezuelano para renunciar ao cargo e abandonar a Venezuela.

"Maduro, abra estas pontes, abra estas fronteiras. Pode acabar com isto hoje. Espero que se importe. Espero que se importe o suficiente, quando vir o horror, quando vir a tragédia, para mudar de atitude e deixar o país", afirmou o Secretário de Estado dos Estados Unidos da América (EUA).

O apelo do Secretário de Estado foi proferido em Cúcuta, na fronteira colombiana onde ajuda humanitária aguarda por entrar na Venezuela.

E foi precisamente a atual situação do país que levou Mike Pompeo a um périplo por países da América Latina.

Os EUA impuseram uma série de sanções contra o governo de Maduro, que ainda conta com o apoio da Rússia, da China e de Cuba.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.