Última hora

Última hora

Abertura do Pavilhão Le Corbusier

Abertura do Pavilhão Le Corbusier
Tamanho do texto Aa Aa

É considerado uma obra prima da arquitetura. O Pavilhão Le Corbusier reabriu recentemente depois de obras de renovação que obrigaram ao encerramento do espaço durante dois anos. Foi a última obra do carismático arquiteto Le Corbusier, inaugurada em 1967.

"Zurique era uma cidade muito importante para ele. Estava aqui a editora que publicou muitos dos seus livros. Estava aqui Heidi Weberque que construiu este edifício. Por outro lado, também é preciso dizer que ele também teve muitas deceções aqui em Zurique. Venceu muitos concursos, mas as obras não chegaram a ser construídas", explica o curador da exposição Le Corbusier, Christian Brändle.

O pavilhão de exposições foi concebido completamente seguindo uma escala de proporções concebida por Le Corbusier baseada no corpo humano e no número de ouro - que representa matematicamente a perfeição na natureza. "Ele deixou, praticamente, todo o legado aqui. O sistema de proporções modulor está presente, assim como a pré-fabricação e a policromia. Portanto, há muita coisa deste arquiteto do século a descobrir, neste edifício", conclui Christian Brändle.

O edifício colorido ergue-se dentro de um parque, nas margens do Lago de Zurique, na Suíça.