Última hora

Erupção obriga a retirada de 70 pessoas de Stromboli

Erupção obriga a retirada de 70 pessoas de Stromboli
Tamanho do texto Aa Aa

O rugido do Stromboli não deixa dúvidas quanto ao que vem. O vulcão italiano está em erupção desde quarta-feira, lançando cinzas para o ar e magma para as águas a norte da Sicília.

A inesperada erupção na ilha mediterrânica, apanhou de surpresa turistas e um montanhista que morreu depois de ser atingido uma rocha em queda

Os bombeiros encontram-se no local e um avião Canadair está a sobrevoar a zona.

"Este vulcão tem entrado em erupção desde há muito tempo. Chamam-lhe o "Farol do Mediterrâneo", porque tem estado em erupção ao longo de milhares de anos. Portanto, este é um vulcão que produz erupções constantes, que muitos visitantes e turistas sobem para ver, o que significa que se uma erupção como esta ocorrer sem nenhum aviso, porque este é um sistema aberto, não há bloqueio em direção à superfície e as pessoas podem estar no caminho", explica a vulcanóloga Janine Krippner.

Uma das maiores erupções ocorreu em 2003, quando rochas vulcânicas e lava incandescente deslizaram para o Mediterrâneo.

A ilha de Stromboli tem cerca de 500 habitantes, mas, durante o verão, a população aumenta 10 mil com a chegada dos turistas.

A marinha foi enviada para o local para uma possível evacuação em massa. 70 pessoas foram já retiradas da ilha.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.