EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Angola recebeu 1ª edição do Festikongo

Angola recebeu 1ª edição do Festikongo
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Festival reuniu músicos, escritores, grupos de dança e investigadores de estados que faziam parte do antigo Reino do Kongo (Congo Brazaville, República Democrática do Congo, Gabão e Angola)

PUBLICIDADE

Um lugar inigualável e de singular importância. É assim que a UNESCO caracteriza o centro histórico localizado na cidade de M'banza-Kongo, em Angola.

Para celebrar o segundo aniversário da elevação do antigo Reino do Congo a Património da Humanidade, o executivo angolano promoveu a 1ª edição do FestiKongo (Festival Internacional da Cultura e das Artes Kongo).

O evento pretende "fomentar um desenvolvimento sustentável para as populações da região". Contou com a participação de entidades culturais de Angola e de países como Congo Brazzaville, República Democrática do Congo ou Gabão, que fizeram parte do antigo Reino do Congo.

As autoridades angolanas mostram empenho em preservar a herança local.

“Todos os valores de convivência retratam atributos. Importa sublinhar que estes valores estão a ser considerados por existirem antes da chegada da colonização”, sublinhou, à Euronews, o embaixador de Angola na UNESCO, Sita José.

A ministra angolana da Cultura, Maria de Jesus, acrescentou: “Temos estado a trabalhar naquilo que é o retorno de bens levados ilicitamente de Angola e, no geral, de África.”

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Abertura da Bienal de Veneza marcada pelas guerras

Será a proibição dos smartphones a solução perante a revolução tecnológica?

Descoberto salão de banquetes em Pompeia