A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Aumenta a violência em Hong Kong

Aumenta a violência em Hong Kong
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um ataque violento contra manifestantes anti-governou provocou indignação e revolta em Hong Kong.

Um grupo de homens com paus e barras de metal espancou dezenas de manifestantes na estação de metro de Yuen Long. Pelo menos 45 pessoas ficaram feridas. Uma delas continua em estado crítico.

Os manifestantes, vestidos de preto, voltavam de mais um protesto realizado no centro de Hong Kong, no sétimo fim de semana consecutivo de protestos.

A indignação aumentou depois da divulgação de imagens do deputado Junius Ho a conversar e a tirar fotografias com os supostos agressores . Ho negou qualquer relação com o grupo mas na manhã desta segunda-feira, dezenas de manifestantes mascarados vandalizaram o escritório do deputado.