A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Os atrativos de Sanya na ilha chinesa de Hainan

Os atrativos de Sanya na ilha chinesa de Hainan
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O clima tropical, as belas praias e montanhas atraem cada vez mais turistas à ilha chinesa de Sanya.

Situada no sul do mar da China, a zona costeira de Sanya estende-se por 258 quilómetros de baías e praias. A oferta turística inclui a região interior composta por montanhas e florestas tropicais.

"Sanya é a única cidade costeira tropical da China. Há sol, mar, praias e um clima perfeito. Temos bons hotéis. Encontrará todos os grupos hoteleiros em Sanya. Aqui, pode também descobrir a cultura e as tradições chinesas", explicou Zheng Conghui, director da empresa de desenvolvimento turístico de Tianya Haijiao, na região de Sanya.

Baía de Sanya

Imersão na cultura oriental

A estátua de Guanyin Pusa, com 108 metros de altura é uma paragem obrigatória para quem visita Sanya. "Estamos num sítio turístico, dedicado ao budismo, onde pode conhecer a história e a cultura locais. A estátua de Guanyin tem três lados que representam a paz, a sabedoria e a compaixão. No templo de Nanshan pode contemplar um Buda impressionante", referiu Thomson Zhang, guia de viagem.

Estátua de Guan-yin

Tradição e modernidade

A cidade costeira chinesa combina tradição e modernidade. A ilha de Phoenix, na Baía de Sanya, conhecida como a "Dubai Oriental", é um bom exemplo dessa combinação.

"Phoenix é uma ilha construída pelo Homem. O projeto tem duas fases. Na primeira, construímos os apartamentos de luxo, os hotéis e o terminal para os cruzeiros internacionais. O que significa que recebemos visitantes do mundo inteiro. Numa segunda fase, vamos construir mas equipamentos para os cruzeiros, parques temáticos e um centro comercial com produtos isentos de impostos", acrescentou o guia turístico.

O resort da baía de Haitang é um projeto de 1,4 mil milhões de euros. A unidade hoteleira possui um aquário onde é possível contemplar 80 mil espécies marinhas.

Aquário do resort

Haitang quer atrair turistas europeus

A baía de Haitang espera atrair turistas de vários mercados, incluindo europeus. "Queremos chegar ao mercado da Coreia do Sul e ao mercado europeu. Há novas ligações áreas para Sanya criadas com o apoio do governo para que haja voos para a Europa. Inspirados no sucesso da marca Dubai queremos mais turistas estrangeiros em Sanya", sublinhou Heiko Schreiner, Diretor do resort Atlantis Sanya.

Existe atualmente um voo direto entre Londres e Sanya e há planos para abrir uma rota para a Alemanha. Para facilitar as viagens, os turistas de 59 países, com os quais foram assinados acordos, podem ficar um mês sem ter de solicitar visto.

Ilha de Hainan

Praias e zonas comerciais

A euronews falou com dois turistas da Ucrânia que elogiaram a oferta turística da cidade chinesa.

"A vista é magnífica, sentimo-nos cativados por tudo o que nos rodeia. Fica tudo perto, a cidade não é muito grande. As doze horas de voo de Kiev valem a pena porque é mesmo uma cidade fantástica", considerou Dima Pylypchuk, turista ucraniano. A turista ucraniana Lilia Senky elogiou o mar "lindo e a água morna” das praias da cidade costeira do sul da China.

A oferta comercial é outro dos atrativos de Sanya com lojas de grandes marcas internacionais e produtos isentos de impostos.