EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Austrália aposta no consumo europeu

Austrália aposta no consumo europeu
Direitos de autor 
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O ministro do Comércio da Austrália pretende exportar mais produtos agrícolas para a União Europeia. É uma das lutas no novo acordo comercial que está a ser negociado.

PUBLICIDADE

Os australianos apostam nos consumidores europeus. O ministro do Comércio da Austrália pretende exportar mais produtos agrícolas para a União Europeia. É uma das lutas no novo acordo comercial que está a ser negociado.

No caso da assinatura de um acordo, a UE pretende proteger o nome de mais de 400 produtos, como o queijo Feta ou o queijo Gorgonzola. A lista de produtos já foi anunciada e o governo australiano está otimista.

"Há um grande potencial de negociação com a UE. É um mercado de mais de 500 milhões de pessoas. É o nosso terceiro maior mercado de exportação, apesar das duras restrições que enfrentamos em termos de tarifas e quotas sobre as nossas exportações para a UE."
Simon Birmingham
Ministro do comércio da Austrália

O comércio bilateral entre os dois blocos vale mais de 45 mil milhões de euros por ano. Os bens representam aproximadamente de 19 mil milhões - e os serviços 20 mil milhões de euros. Segundo a União Europeia, se este novo acordo comercial for concluído, os números poderão aumentar 37% no que toca aos bens e 8% em relação aos serviços.

A retirada das taxas alfandegárias e um melhor acesso a contratos públicos na Austrália iriam beneficiar várias empresas europeias, principalmente nos setores de Máquinas, Produtos Químicos, Eletrónica, Metais ou Alimentos e Bebidas.

A futura presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, expressou a vontade de "concluir rapidamente as negociações em andamento com a Austrália".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Debate Europeias: eleitores que votam pela primeira vez colocaram questões aos candidatos

"A próxima Comissão será de centro-direita", diz copresidente do CRE

No hemiciclo e com perguntas do público: como será conduzido o debate sobre as eleições europeias