EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Homofobia obriga à interrupção do jogo Nice-Marselha

Homofobia obriga à interrupção do jogo Nice-Marselha
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cânticos homofóbicos e exibição de faixas com mensagens homofóbicas, por parte de claques do NIce, levaram o árbitro a interromper a partida durante 10 minutos.

PUBLICIDADE

Após vários avisos do speaker para que as claques do Nice parassem com os cânticos homofóbicos e a exibição de faixas com mensagens homofóbicas, aos 28 minutos de jogo o árbitro Clément Turpin tomou a decisão de interromper a partida entre Nice e Marselha, desta quarta-feira, no estádio Allianz Riviera.

Em Nice, o jogo esteve interrompido durante 10 minutos.

"Acho que o árbitro teve uma atitude acertada depois de ver as faixas durante a partida. Foi uma decisão muito boa. Estive com o Patrick (Vieira, técnico de Nice) no balneário do árbitro quando o jogo foi interrompido e falámos sobre a decisão," declarou o técnico português do Marselha, André Villas-Boas.

"Acho que o árbitro teve toda a razão para interromper o jogo. Acho que estas coisas são inaceitáveis. A mensagem foi clara. O árbitro não teve escolha," afirmou o técnico do Nice, Patrick Vieira.

Incidentes relacionados com manifestações homofóbicas multiplicaram-se desde o início do campeonato em França.

No fim de semana, os encontros Brest-Reims e Monaco-Nîmes também foram suspensos temporariamente.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Lionel Messi vence a Bola de Ouro pela oitava vez

Mbappé sai do PSG em 2024

Real Madrid é campeão antecipado da LaLiga