Última hora

Supremo Tribunal dos EUA autoriza restrições de asilo

Supremo Tribunal dos EUA autoriza restrições de asilo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Supremo Tribunal dos Estados Unidos autorizou a entrada em vigor das restrições de asilo criadas pela Administração Trump, impedindo a maior parte dos migrantes da América Central de pedir asilo ao país. Esta decisão suspende a de um tribunal distrital, que dois dias antes havia bloqueado as restrições.

No Twitter, o presidente dos Estados Unidos disse ter tido "uma excelente conversa telefónica" com o homólogo mexicano, sobre segurança na fronteira sul, entre outros assuntos. Trump escreveu que "a fronteira sul está a tornar-se muito forte, apesar da obstrução dos Democratas".

As restrições exigem que os migrantes que procuram asilo nos Estados Unidos apresentem o pedido noutro país durante a sua travessia rumo ao território dos EUA.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.