A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

12 líderes das claques da Juventus detidos

12 líderes das claques da Juventus detidos
Direitos de autor
REUTERS-Polizia di Stato
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia italiana deteve, esta segunda-feira, 12 líderes das claques da Juventus, numa operação ligada à venda de bilhetes para os jogos do clube de Turim.

Segundo um comunicado das autoridades, os suspeitos são acusados de associação criminosa, violência e extorsão. De acordo com os media locais, mais de quarenta investigadores realizaram buscas em várias cidades italianas.

A investigação está a ser conduzida pela Divisão de Investigações Gerais e Operações Especiais e envolve os líderes das claques da Juventus como a "Drughi", a "Tradizione-Antichi valori", a "Viking", a Nucleo 1985" e a "Quelli... di via Filadelfia".

Os vários líderes das claques criaram, alegadamente, um sistema de ameaças e chantagem contra os funcionários das bilheteiras para tentarem continuar a ter bilhetes a um preço favorável que depois revenderiam.

A operação "Last banner" foi iniciada há mais de um ano, depois de uma denúncia dos dirigentes da Juventus.