A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

EUA e China dão primeiro passo para resolver guerra comercial

EUA e China dão primeiro passo para resolver guerra comercial
Direitos de autor
REUTERS/Yuri Gripas
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Donald Trump anunciou um acordo parcial com vista a uma trégua na guerra comercial com a China, suspendendo a ameaça de uma subida nas taxas aplicadas às importações do gigante asiático.

Estados Unidos e China concordaram na primeira fase do acordo, que o presidente norte-americano espera concluir com o homólogo chinês no Forúm de Cooperação Económica Ásia-Pacífico, no Chile.

Trump: "Chegámos a um acordo, agora é preciso escrevê-lo. Tardará três, quatro ou cinco semanas. Estaremos juntos numa grande cimeira no Chile. Talvez seja nessa altura, ou à volta dessa data."

A primeira fase do acordo cobriu as áreas da agricultura, política monetária e propriedade intelectual e permitiu que Washington suspendesse a subida de 25 a 30% das taxas sobre os produtos chineses, que deveria entrar em vigor na próxima terça-feira.