EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

EUA e China dão primeiro passo para resolver guerra comercial

EUA e China dão primeiro passo para resolver guerra comercial
Direitos de autor REUTERS/Yuri Gripas
Direitos de autor REUTERS/Yuri Gripas
De  Rodrigo Barbosa com EFE
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Com acordo parcial, Washington decidiu suspender subida nas taxas aplicadas aos produtos chineses, que devia entrar em vigor na terça-feira

PUBLICIDADE

Donald Trump anunciou um acordo parcial com vista a uma trégua na guerra comercial com a China, suspendendo a ameaça de uma subida nas taxas aplicadas às importações do gigante asiático.

Estados Unidos e China concordaram na primeira fase do acordo, que o presidente norte-americano espera concluir com o homólogo chinês no Forúm de Cooperação Económica Ásia-Pacífico, no Chile.

Trump: "Chegámos a um acordo, agora é preciso escrevê-lo. Tardará três, quatro ou cinco semanas. Estaremos juntos numa grande cimeira no Chile. Talvez seja nessa altura, ou à volta dessa data."

A primeira fase do acordo cobriu as áreas da agricultura, política monetária e propriedade intelectual e permitiu que Washington suspendesse a subida de 25 a 30% das taxas sobre os produtos chineses, que deveria entrar em vigor na próxima terça-feira.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"A China é uma ameaça à nossa segurança", alerta vice-secretário-geral da NATO

NATO acusa China de ser um "facilitador decisivo" da guerra da Rússia contra a Ucrânia

A China e a Polónia lançam a primeira ligação ferroviária regular, relançando a rota comercial da Rota da Seda