EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Continua a revolta popular no Líbano

Continua a revolta popular no Líbano
Direitos de autor REUTERS/Mohamed Azakir
Direitos de autor REUTERS/Mohamed Azakir
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Trata-se de uma mobilização sem precedentes e os protestos têm levado milhares de pessoas a sair às ruas, independentemente das diferenças religiosas.

PUBLICIDADE

O Líbano está determinado contra a classe política e os protestos continuam há mais de uma semana, contra um recente pacote de medidas económicas.

Trata-se de uma mobilização sem precedentes e os protestos têm levado milhares de pessoas a sair às ruas, independentemente das diferenças religiosas. Erguem a voz e barricadas no centro de Beirute. Militantes do Hezbolla estão cada vez mais presentes nas ruas e estiveram envolvidos em confrontos na capital, na semana passada.

Os protestos começaram depois do anúncio de novos impostos ou a intenção de cobrar as chamadas gratuitas feitas através da internet, como através da aplicação WhatsApp.

O governo cancelou o pacote de medidas, mas a revolta popular no Líbano continua - contra o regime e contra a crise económica.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Agricultores guerreiros" próximos da extrema-direita fizeram protesto "convivial"

Geórgia numa encruzilhada à medida que lei da influência estrangeira aprofunda divisões

Forças de segurança realizam operações na capital da Nova Caledónia para controlar onda de violência