Última hora

Empresário maltês conhecido detido pela polícia

Empresário maltês conhecido detido pela polícia
Direitos de autor
Reuters
Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades de Malta anunciaram a detenção de um conhecido empresário maltês, Yorgen Fenech, no âmbito do assassinato da jornalista anticorrupção Daphne Caruana Galizia.

O empresário foi detido a bordo do seu iate no momento em que este se preparava para abandonar a ilha.

Daphne Caruana Galizia foi assassinada em 2017 enquanto conduzia uma viatura próximo à sua casa na capital, Valeta.

A detenção do empresário segue-se ao anúncio efetuado esta terça-feira pelo primeiro-ministro, Joseph Muscat, de que um dos implicados no assassinato da jornalista receberia um perdão presidencial se colaborasse com as autoridades e identificasse o cérebro da operação.

As autoridades judiciais ainda não confirmaram a detenção do empresário. A polícia tem agora 48 horas para acusar ou libertar o detido.

Em dezembro de 2017 as autoridades detiveram três indivíduos acusados de terem morto a jornalista mas até agora não havia sido possível identificar o responsável principal.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.