Última hora
This content is not available in your region

Bombeiros australianos enfrentam condições "catastróficas"

Bombeiros australianos enfrentam condições "catastróficas"
Direitos de autor
Mick Tsikas/AAP Images via AP
Tamanho do texto Aa Aa

Os bombeiros enfrentam condições "catastróficas" no combate aos enormes incêndios que lavram sem controlo à volta de Sydney, a maior cidade da Austrália.

Segundo o governador do Estado da Nova Gales du Sul, "qualquer fogo ativo pode rapidamente tornar-se bastante perigoso", face à importante vaga de calor, que favoriza a propagação das chamas. Nalguns pontos da região, são esperadas temperaturas de até 47 graus centígrados.

Alguns focos de incêndio encontram-se agora a cerca de 130 quilómetros de Sydney que, segundo a orientação dos ventos, vê passar regularmente nuvens de fumo há vários dias.

Os mais recentes incêndios fizeram pelo menos três vítimas mortais, entre as quais dois bombeiros, e várias dezenas de feridos.

No total, 10 pessoas perderam a vida e pelo menos três milhões de hectares arderam nos últimos meses, devido aos fogos que fustigaram vários pontos do país.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.