Última hora
This content is not available in your region

Navio apreendido no leste da Líbia

Navio apreendido no leste da Líbia
Direitos de autor
ASSOCIATED PRESS
Tamanho do texto Aa Aa

Um navio com pavilhão de Granada e tripulação turca foi apreendido pelas forças que controlam o leste da Líbia.

A notícia foi veiculada pelos "media" locais citando uma fonte do Exército Nacional Líbio.

A embarcação foi apreendida ao largo da cidade líbia de Derna e ocorre numa altura de tensões por causa de um acordo marítimo entre Trípoli e Ancara.

Para o presidente turco, a ação tem como objetivo derrubar o Governo da Líbia.

"Estamos bem cientes da intensificação dos esforços para derrubar o legítimo Governo líbio. Recentemente, temos prestado apoio à administração legítima da Líbia. Se necessário, consideraremos todo o tipo de oportunidades em terra, mar e ar para aumentar o peso militar desses apoios", referiu Recep Tayyip Erdogan.

O acordo casou polémica no país. Para o deputado do Parlamento de Bengasi, Talal Al-Mihoub, é uma provocação aos países árabes da região.

"Isto visa prolongar o caos no país e ameaçar os países do Norte de África, para depois seguir na direção da costa sul da Europa, em frente à nossa costa, para aumentar o caos e o terrorismo nestes países".

O acordo entre Trípoli e Ancara levou a Grécia a expulsar o embaixador líbio. Este domingo, o ministro grego dos Negócios Estrangeiros, Nikos Dendias, visitou Bengasi, onde se reuniu com a administração de Kalif Hifter.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.