Última hora
This content is not available in your region

Nacionalistas europeus reunidos em Roma

euronews_icons_loading
Nacionalistas europeus reunidos em Roma
Direitos de autor  EN
Tamanho do texto Aa Aa

“Deus Honra e Pátria” foi o tema da conferência que reuniu em Roma representantes dos partidos nacionalistas da Europa. Um encontro que aplaudiu o Brexit, alertou para o "totalitarismo" da esquerda e lembrou a "revolução que derrubou o comunismo.

Itália e França

Este ano, na conferência anual dos conservadores, os líderes da direita italiana e francesa foram os oradores principais.

Giorgia Meloni, líder do partido “Irmãos de Itália” sublinhou a vontade de manter boas relações com todos os movimentos conservadores e republicanos do mundo, para trocar ideias e cooperar, mas repetiu que trabalha “apenas” para o povo italiano.

Para Marion Marechal, neta de Jean-Marie Le Pen e antiga deputada da "Frente Nacional", os conservadores são quem está melhor preparado para enfrentar os grandes desafios do século XXI.

Victor Orbán

Na ausência de Matteo Salvini, o protagonista em Roma foi o primeiro-ministro húngaro Victor Orbán. No discurso de cerca de uma hora, destacou as razões que o separam Fidesz e o Partido Popular Europeu. Antes da reunião dos conservadores, Orbán encontrou-se com o presidente italiano, Giuseppe Conte, e esta terça-feira com Silvio Berlusconi.