Última hora
This content is not available in your region

Bolsas europeias voltam a animar-se

euronews_icons_loading
Bolsas europeias voltam a animar-se
Direitos de autor  Koji Sasahara/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Depois de uma jornada com perdas importantes as bolsas europeias arrancaram, esta terça-feira, com subidas significativas. Uma inversão na tendência depois de a China anunciar o fim da quarentena em Wuhan, o epicentro da pandemia do novo coronavírus, a 8 de abril.

Analistas ligam este sentimento positivo dos investidores à forma como as instituições bancárias nacionais estão a gerir a situação:

"Os bancos centrais, de vários países, aprenderam a lição com a grande depressão. Eu acho que, em tempo de crise económica, o trabalho do governo é apoiar a economia, impedir que as empresas se afundem. Por isso, quando a recuperação chegar, as pessoas vão ter empregos para onde voltar", explica o analista Francis Lun.

Wall Street, e apesar das tentativas da Reserva Federal dos EUA para conter as perdas, acabou a última sessão no vermelho.

Mas a iniciativa norte-americana acabou por animar as bolsas asiáticas, a mostrarem sinais de recuperação já esta terça-feira.