Última hora
This content is not available in your region

França reforça medidas de quarentena

euronews_icons_loading
França reforça medidas de quarentena
Direitos de autor  Michel Euler/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

França voltou a reforçar as medidas de confinamento. A partir desta terça-feira, o exercício físico fora de portas está sujeito a novas restrições e a maioria dos mercados ao ar livre tem ordem para fechar.

No combate ao coronavírus, as regras endurecem, e, de acordo com o primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, podem vir a durar semanas.

Numa declaração ao país, o chefe do governo anunciou que os passeios com as as crianças ou para exercício passam a estar limitados a um perímetro de um quilómetro a partir de casa, à duração máxima de uma hora e vão poder apenas ser feitos sem companhia e uma vez por dia. Em todas as saídas, as pessoas devem fazer-se acompanhar de uma permissão escrita atualizada.

França está de quarentena há uma semana. A previsão inicial era de que a medida estivesse em vigor até 31 de março. No entanto, com a propagação da pandemia e o número de mortes a subir, o governo mostra-se preocupado com imagens que chegam de ruas e mercados cheios, num claro desrespeito às restrições.

No país, há cerca 20 mil casos de infeção registados e quase 900 mortes associadas à covid-19.