Última hora
This content is not available in your region

Retomar rotinas em Milão

euronews_icons_loading
Retomar rotinas em Milão
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Foi o primeiro país europeu a fechar-se. Agora é altura de recomeçar o caminho. Em Itália, já é possível ir a um restaurante ou a uma loja. Já é possível visitar os mais próximos, sempre, claro, respeitando as distâncias.

O jornalista Alessio Dell'Anna explica-nos como é andar por Milão por estes dias, no arranque da chamada "fase 3", dizendo que, ao fim de dois meses, chegou o "tão esperado momento: ir cortar o cabelo". Se o tempo de espera não for demasiado longo.

Não foi e a máscara teve de sair para que o barbeiro pudesse fazer o trabalho com precisão. De resto, o distanciamento é respeitado. Ninguém espera dentro do estabelecimento. Os clientes devem usar o gel desinfetante e ficam sentados a mais de um metro de distância. O tempo de espera é aceitável.

A Via Pietro Borsieri, no bairro de Isola, é um local muito procurado para o famoso aperitivo. No entanto, por agora, não se vê muita gente nesta área. Há vários restaurantes que ainda estão fechados, só fazem serviço de entrega. Muitos deles estão a levar algum tempo para equipar-se devidamente com dispositivos de segurança.

É claro que, para quem esperava beber uma cerveja numa esplanada, por exemplo, este é o momento.