Última hora
This content is not available in your region

Áustria exclui Portugal do levantamento das restrições de viagem

euronews_icons_loading
Áustria exclui Portugal do levantamento das restrições de viagem
Direitos de autor  Ronald Zak/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Chegou o momento de a Áustria levantar as restrições de entrada no país aos parceiros europeus. Só que não será para todos.

A partir de 16 de junho, a luz verde é dada aos cidadãos de 31 países, incluindo a vizinha Itália, que já não terão de apresentar testes negativos ao novo coronavírus, nem ver imposta uma quarentena de duas semanas.

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Alexander Schallenberg, declarou a reabertura das fronteiras a todos os países da União Europeia e do Espaço Económico Europeu, sendo que "há quatro exceções importantes: a Suécia, o Reino Unido, a Espanha e Portugal".

A atual taxa de contágio em Portugal é considerada por Viena como motivo de exclusão, uma vez que o parâmetro apresentado pelos austríacos é de menos de 10 infeções diárias por 100 mil habitantes, número claramente ultrapassado neste momento na área metropolitana de Lisboa.

Em relação a Espanha, a decisão prende-se com a medida unilateral de Madrid de manter as fronteiras encerradas até 1 de julho.