Cineasta russo considerado culpado do desvio de fundos

Cineasta russo considerado culpado do desvio de fundos
Direitos de autor AP/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cineasta russo de 50 anos clama inocência da acusação de desvio de 1,7 milhões de euros em subvenções públicas que um tribunal russo considerou culpado. O processo de Kirill Serebrennikov é acompanhado por inúmeras pessoas do mundo das artes e da oposição que consideram o processo montado.

PUBLICIDADE

O respeitado coreografo e cineasta russo Kirill Serebrennikov foi considerado culpado de desvio de 1,7 milhões de euros de subvenções públicas.

À entrada para o tribunal de Moscovo onde escutou o veredicto, estava uma multidão de personalidades da sociedade, artistas e opositores políticos em seu apoio, consideram o processo encenado pelo facto de ser uma voz crítica.

De acordo com o tribunal, Serebrennikov e cúmplices desviaram os fundos públicos atribuídos ao projeto teatral "Plata-forma", criado pelo Estúdio Sete, organização de Serebrennikov com fins não lucrativos.

A procuradoria pede uma pena de seis anos de prisão.

Autor de inúmeros filmes e com uma série de distinções, incluindo a ordem das artes e letras francesa, o cineasta de 50 anos clama inocência.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia vota alterações à Constituição

Rússia celebra 75.º aniversário da vitória contra os nazis

Prisão domiciliária para Kirill Serebrennikov