Última hora
This content is not available in your region

François Fillon condenado a 5 anos de prisão

euronews_icons_loading
François Fillon condenado a 5 anos de prisão
Direitos de autor  Thibault Camus/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

O ex-primeiro-ministro francês, François Fillon, foi condenado a dois anos de prisão efetiva e outros três em pena suspensa por ter empregado de forma fraudulenta a sua esposa como assistente parlamentar sem que ela tenha cumprido as funções. Fillon também está obrigado a pagar uma multa de 375 mil euros. Fillon vai recorrer.

"Naturalmente, esta decisão, que não é justa, vai ser alvo de um recurso e haverá um novo processo. Vamos ter um novo processo! É necessário que dentro de alguns dias se comece a perceber aquilo que nós mostramos desde 2017, as condições escandalosas em que o processo foi aberto e as condições surpreendentes em que depois se desenrolou", explica Antonin Lévy, advogado de François Fillon.

O tribunal de Paris também condenou Penelope, a mulher do antigo candidato presidencial, a três anos de prisão em pena suspensa,

O deputado substituto de François Fillon na Assembleia Nacional, Marc Joulaud, recebeu uma pena idêntica à da mulher de Fillon, mais cinco anos de Inelegibilidade para cargos públicos e 20 mil euros de multa por ter participado num esquema semelhante.