Última hora
This content is not available in your region

O adeus de Iker Casillas

euronews_icons_loading
Iker Casillas
Iker Casillas   -   Direitos de autor  Luís Vieira/The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

"Não é um ponto final, a viagem não acaba aqui". O autor destas palavras é Iker Casillas. Mas ainda assim o guarda-redes espanhol, de 39 anos, despede-se do futebol profissional com um longo texto publicado no Twitter.

Ao fim de mais de duas décadas dedicadas a este desporto, diz a expressão usada no meio que "pendurou as luvas".

Agradeceu ao Futebol Clube do Porto, onde esteve cinco temporadas e foi campeão nacional, e ao Real Madrid, em cuja escola entrou aos 9 anos. Por sua vez, o clube espanhol emitiu um comunicado para expressar "admiração e carinho", qualificando-o como o melhor guarda-redes da história do país e uma das maiores lendas do futebol mundial.

E o percurso é, de facto, invulgar: com os madrilenos conquistou, entre outros, cinco ligas espanholas, três Ligas dos Campeões, duas Supertaças europeias. Com a seleção, arrecadou o Campeonato da Europa em duas ocasiões e o Mundial, em 2010.