Última hora
This content is not available in your region

Alpes Marítimos contam os mortos da tempestade "Alex"

euronews_icons_loading
Alpes Marítimos contam os mortos da tempestade "Alex"
Direitos de autor  Daniel Cole/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades francesas e italianas resgataram, esta terça-feira, ao mar de Ligúria mais um corpo, fazendo aumentar para pelo menos sete o número de mortos, após a passagem da tempestade Alex durante o fim de semana.

A pesada contagem ainda está por fechar, tendo em conta os vários desaparecidos nas regiões afetadas.

Esta quarta-feira, a presença do presidente Emmanuel Macron é aguardada em Nice, para testemunhar os danos na região.

Cemitério destruído pelas cheias

As fortes enxurradas puseram pequenas vilas dos Alpes Marítimos a braços com inúmeros estragos e situações dramáticas.

Em Tende, as cheias arrastaram os corpos de 150 de pessoas enterradas ao longo de 20 quilómetros. Com o cemitério devastado e sem câmara fria, as autoridades locais não têm com garantir as condições sanitárias e de preservação necessárias. No terreno, os bombeiros continuam a tentar recuperar os corpos desaparecidos.