EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Portugal e França batem recorde no número de casos de Covid-19

Lisbon, Portugal
Lisbon, Portugal Direitos de autor Euronews/AP
Direitos de autor Euronews/AP
De  Nara Madeira com Lusa, AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Portugal e França bateram, esta quinta-feira, o recorde no número de infeções, desde o início da propagação do vírus, 2.101 casos e 30.621, respetivamente.

PUBLICIDADE

Em 24 horas as autoridades portuguesas registaram 2.101 novos casos de infeção com o novo coronavírus, o valor diário mais elevado desde o início da propagação do vírus no país. Registaram-se também, e de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde, 11 mortes.

Desde o início da propagação do vírus morreram em *Portugal* 2.128 mortes e, pelo menos, 93.294 pessoas foram infetadas. Atualmente, há mais de 36 mil casos ativos do vírus, mais 1.502 do que na quarta-feira.

Ontem, a evolução pandémica, com o número de casos a aumentar todos os dias, tinha levado o governo português a rever o nível de alerta e a voltar a elevá-lo para estado de calamidade, em todo o território nacional, a partir das 00h de quinta-feira. 

Em *França*, em 24 horas, as autoridades deram conta de 30.621 novos casos de Covid-19, um número recorde desde que o país lançou o processo de testes em grande escala. Para o mesmo período os dados oficiais dão conta de 88 óbitos.

Em terras gaulesas, e desde o início da propagação do vírus foram infetadas, pelo menos, 809.684. Já faleceram 33.125.

Existem, atualmente 1.586 focos de infeção, 130 deles detetados no último dia.

Em nove regiões metropolitanas francesas será imposto, a partir de sábado, um recolher obrigatório. Enquanto o país entra em estado de emergência sanitária.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Europa continua a luta para travar a pandemia

"Estado da União": Líderes tentam conter escalada da pandemia

Novo ataque em Rafah faz 37 mortos. Casa Branca diz que Israel ainda não passou linhas vermelhas