EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Manifestação em Paris assinala Dia Internacional dos Migrantes

Manifestação em Paris assinala Dia Internacional dos Migrantes
Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Cerca de um milhar de pessoas assinalou com uma marcha, em Paris, o Dia Internacional dos Migrantes, reclamando a regularização dos clandestinos

PUBLICIDADE

Cerca de um milhar de migrantes desfilaram esta sexta-feira nas ruas de Paris para assinalarem o Dia Internacional dos Migrantes e reclamarem a regularização dos clandestinos em França.

Esta é a quarta jornada de manifestações pela regularização dos migrantes clandestinos no país, com protestos em cerca de 50 cidades.

Na capital francesa, o desfile foi acompanhado por um forte dispositivo de segurança, depois de a Perfeitura da cidade ter limitado o percurso e não ter deixado que ele se terminasse junto à câmara municipal como queriam os organizadores.

Os manifestanes gritavam: "Clandestinos em perigo" e "O esforço nacional somos nós", em referência a muitos trabalhos feitos pelos migrantes clandestinos durante este período de crise da pandemia.

O governo deu luz verde em setembro à naturalização dos migrantes envolvidos em trabalhos essenciais nesta época da pandemia, mas até agora só avançaram os processos de 334 pessoas. Uma gota de água, dizem as associações de solidariedade.

Estima-se que em França existam entre 300 mil e 600 mil migrantes clandestinos.

Na data em que se assinala o dia dos migrantes, o desfile fez-se com tochas em memória dos migrantes que morreram no exílio.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

VivaTech 2024: Inteligência artificial é o centro das atenções na feira anual de tecnologia francesa

Polícia francesa expulsa cerca de 100 migrantes de acampamento junto à câmara de Paris

Pás do icónico moinho de vento do Moulin Rouge, em Paris, desabam durante a madrugada