Última hora
This content is not available in your region

Incêndio em hospital da Roménia faz pelo menos cinco mortos

Access to the comments Comentários
De  Mari Jeanne Ion & Euronews
euronews_icons_loading
Incêndio em hospital da Roménia faz pelo menos cinco mortos
Direitos de autor  Andreea Alexandru/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Subiu para cinco o número de mortos resultante de um incêndio no hospital Matei Balș, o principal hospital de Bucareste. As chamas, que deflagraram por volta das 05h00 de sexta-feira, consumiram parte da unidade de saúde, na linha da frente para o tratamento de doentes com covid-19 na Roménia.

A situação assumiu contornos mais graves, devido a todos os pacientes afetados estarem infetados com coronavírus e precisarem de ser tratados com oxigénio. E só não foi pior, porque o fornecimento de oxigénio foi cortado imediatamente após a explosão.

As causas do incêndio estão ainda por apurar. No entanto, incidentes semelhantes têm ocorrido nos últimos meses, em vários hospitais romenos.

O fenómeno levou o presidente da Roménia, Klaus Iohannis, a afirmar que "há várias razões para estes episódios e eles estão a ser investigados" e a assegurar que vai ser apurado"o que aconteceu, quem são os culpados e os responsáveis serão punidos".

As declarações do chefe de Estado foram alusivas a uma outra tragédia ainda fresca na memória dos romenos. A 14 de novembro, 10 doentes de covid-19 morreram num incêndio no serviço de cuidados intensivos de um hospital no nordeste do país

Este foi o quarto incêndio num hospital da Roménia, em apenas 3 meses.