Última hora
This content is not available in your region

Repórteres Sem Fronteiras apresentam queixa contra príncipe saudita

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Repórteres Sem Fronteiras apresentam queixa contra príncipe saudita
Direitos de autor  AP Photo
Tamanho do texto Aa Aa

A organização Repórteres Sem Fronteiras apresentou uma queixa na Alemanha por crimes contra a humanidade contra o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, e quatro altos funcionários sauditas no caso do homicídio do jornalista Jamal Khashoggi.

A queixa baseia-se no relatório dos serviços secretos dos Estados Unidos apresentado na semana passada.

"O sistema judicial alemão, quando se trata de crimes contra a humanidade, tem à sua disposição ferramentas jurídicas muito fortes. Algumas das mais fortes do mundo. O procurador-geral a quem entregámos a nossa queixa ontem é o procurador-geral que há poucos dias, garantiu a condenação de um oficial sírio por crimes que ocorreram na Síria com base nesta competência universal que citamos na nossa queixa", explica o diretor-geral da organização Repórteres Sem Fronteiras, Christophe Deloire.

Os Repórteres Sem Fronteiras também denunciam a perseguição generalizada e sistemática de jornalistas na Arábia Saudita, detalhando as atrocidades cometidas contra outros 34 jornalistas na Arábia Saudita, dos quais 33 ainda estão na prisão.

A organização de defesa da liberdade de imprensa espera que seja aberta uma investigação formal que conduza à identificação dos responsáveis por esses crimes e ao seu julgamento.