Última hora
This content is not available in your region

Dois diplomatas russos expulsos de Itália acusados de espionagem

euronews_icons_loading
Dois diplomatas russos expulsos de Itália acusados de espionagem
Direitos de autor  Alessandra Tarantino/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Dois diplomatadas russos foram expulsos de Itália depois de acusados de espionagem.

O governo italiano anunciou que iria expulsar os dois funcionários da embaixada, um dia depois da deter em flagrante delito um oficial da marinha italiana a entregar a um militar russo documentos "confidenciais" em troca de dinheiro.

De acordo com as agências de notícias italianas que citam fontes oficiais, os documentos partilhavam informações sobre Itália, mas também sobre a NATO.

O ministério dos Negócios Estrangeiros da Rússia já comentou a decisão do governo italiano, dizem estar a esclarecer os motivos da expulsão dos dois funcinários da embaixada e lamenta que tal tenha contecido.