Última hora
This content is not available in your region

"Sea-Eye 4" rumo a Espanha para retomar missões no mediterrâneo

euronews_icons_loading
"Sea-Eye 4" rumo a Espanha para retomar missões no mediterrâneo
Direitos de autor  Sea Eye
Tamanho do texto Aa Aa

O novo navio de resgate de migrantes, de bandeira alemã, Sea-Eye 4, deixou os estaleiros de Rostock em direção a Espanha, para retomar as actividades no Mediterrâneo. A chegada do navio está prevista para o final de Abril aos portos ibéricos, de onde vai partir para efetuar missões de salvamento.

Este navio poderá servir também para tratar pacientes com Covid-19. Trata-se de uma embarcação de 1972 reconstruída em seis meses por, aproximadamente, 250 voluntários da iniciativa "United4Rescue" - que inclui parceiros como a organização Médicos Sem Fronteiras e contou com o financiamento da Igreja Protestante Alemã.

O novo navio surge numa altura em que Matteo Salvini enfrenta a justiça, por ter bloqueado a embarcação "Open Arms" com 150 migrantes em condições percárias a bordo, em agosto de 2019.