Última hora
This content is not available in your region

Luz, mar e ação em Cannes com o regresso do Festival de Cinema

euronews_icons_loading
Luz, mar e ação em Cannes com o regresso do Festival de Cinema
Direitos de autor  AFP
Tamanho do texto Aa Aa

O cinema vai voltar a subir a escadaria do palácio dos festivais. Luz, mar e ação, nas varandas do incontornável Hotel Martinez, o cenário cinematográfico que costuma receber a realeza da sétima arte. Depois do cancelamento da última edição, o Festival de Cannes regressa à Croisette em julho e os palácios do sul de França preparam-se para o brilho das estrelas.

Nunca houve um ano sem o festival de Cannes. É um pouco triste não o ter, porque é o coração do nosso ano. Tudo gira à volta dele e mesmo os clientes, muitas vezes quando vêm ver um quarto, dizem: "Era o quarto do Brad Pitt? E eu digo-lhes que: "Sim, claro, era o quarto do Brad Pitt..."
Yann Gillet
Diretor-geral hotel Martinez

Apesar das grandes esperanças para o festival, as reservas nos hotéis ainda são tímidas. Segundo o sindicato hoteleiro chegam apenas aos 25% em julho, mas mesmo que seja apenas para os habitantes de Cannes, o festival é um sinal do regresso aos filmes e à vida.

Os filmes em competição para a Palma de Ouro são anunciados a 3 de junho, em Paris.

Depois de ter funcionado como centro de vacinação, o Palácio dos Festivais vai voltar o desenrolar o tapete vermelho e a ser um centro de celebração do cinema.