This content is not available in your region

Fórum Económico Internacional de São Petersburgo

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Fórum Económico Internacional de São Petersburgo
Direitos de autor  Sergei Ilyin/Sputnik

Tiro de partida para o vigésimo quarto Fórum Económico Internacional de São Petersburgo na Rússia. É um dos primeiros eventos com presença física de participantes russos e de outros países.

A repórter da Euronews, Galina Polonskaya, explica que à chegada a São Petersburgo todos os participantes foram obrigados a submeter-se a um teste Covid, sinal de que a pandemia ainda está na mente das pessoas. E justamente, acrescenta Galina Polonskaya, a economia do pós-covid vai ser um dos grandes tópicos em debate.

Boris Titov, provedor do comércio russo, diz que a situação ainda é difícil porque ainda há que pagar as dívidas antigas, incluindo as ao estado e aos bancos, impostos, empréstimos e outros. Existem muitas sessões macroeconómicas sobre o que vai acontecer à economia russa no futuro", conclui Titov.

Se por um lado alguns empresários russos não sobreviveram à pandemia, outros, como farmacêuticos e comerciantes online cresceram. Os vencedores incluem a gigante de proteção de informática e antivírus, Kaspersky Lab que viu um grande aumento da procura durante o confinamento.

O presidente Eugene Kaspersky explica que com os empregados a trabalhar em casa, os hackers entraram nas redes das grandes corporações através de computadores domésticos.Comparado com o período pré-covid, os ataques informáticos aumentaram entre 20 a 25%. A procura de soluções de segurança para redes informáticas e telemóveis cresceu exponencialmente, revela Kasperski.

Investimento responsável no futuro, o papel da Rússia na segurança alimentar, desenvolvimento sustentável são alguns dos outros temas no programa deste fórum. O futuro da energia global também entra no menu.

Angela Wilkinson, secretária-geral do conselho energético mundial, afirma que é do conhecimento de que a Covid teve de forma geral um impacto que aumentou a necessidade de resiliência dos sistemas energéticos para incluir pessoas e cadeias de fornecimento, bem como um maior ímpeto, uma oportunidade para mais mudanças em torno da energia. Wilkinson refere ainda que é uma oportunidade para os países que pretendem desenvolver energias neutras sem impacto no clima.

Na sexta-feira, o presidente Vladimir Putin visita o fórum onde deverá falar sobre a atração que a Rússia representa para os investidores, um dos objetivos deste evento.