EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Os recordes de Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo celebra golo frente à seleção de França
Cristiano Ronaldo celebra golo frente à seleção de França Direitos de autor Laszlo Balogh
Direitos de autor Laszlo Balogh
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Internacional português detém, agora, o recorde de melhor marcador de sempre de seleções que era, até então, detido pelo iraniano Al Daei, que já felicitou Ronaldo.

PUBLICIDADE

Cristiano Ronaldo marcou dois golos, esta quarta-feira (23 de junho), frente à Seleção de futebol de França e alcançou mais um recorde: 109 golos pela Seleção de Portugal.

O recorde de melhor marcador de sempre de seleções era, até então, detido pelo iraniano Al Daei que já felicitou o internacional português.

No Instagram, Ali Daei escreveu: "Parabéns ao Cristiano Ronaldo que está agora a um golo de bater o recorde internacional de melhor marcador [de seleções] masculino. Sinto-me honrado por este feito notável pertencer a Ronaldo — um grande campeão de futebol e humanista atencioso que inspira e impacta vidas em todo o mundo".

Mas este não foi o único recorde alcançado por Cristiano Ronaldo neste Campeonato Europeu de Futebol 2020.

Quando a Seleção de Portugal defrontou a homóloga da Hungria, no início do campeonato, Ronaldo tornou-se o primeiro jogador de sempre a participar em cinco fases finais da competição, a primeira foi em 2004, tinha o jogador 19 anos, no Euro que decorreu em Portugal, seguindo-se depois as participações em 2008 (Suíça/Áustria), em 2012 (Polónia/Ucrânia), em 2016 (França) e 2020;

O internacional português é, também, o jogador com o maior número de jogos realizados em fases finais de grandes competições (neste caso Europeu e Mundial);

Cristiano Ronaldo ultrapassou o recorde de Michel Platini (nove golos), tornando-se no melhor marcador de sempre em fases finais de Europeus. Marcou dois em 2004, um em 2008, três em 2012, três em 2016 e mais quatro em 2020 – que ainda não acabou;

Ronaldo é, agora, também o jogador com mais vitórias em jogos da fase final do Campeonato da Europa (12), ultrapassando as 11 vitórias dos espanhóis Cesc Fàbregas e Andrés Iniesta;

O português é, também, o primeiro da história de fases finais de Europeus a bisar em três edições. Já tinha bisado à Hungria em 2016, tinha bisado em 2012 frente aos Países Baixos, voltou a marcar dois golos no mesmo encontro frente à formação húngara e, também, à seleção francesa. Com este feito, ultrapassou Gerd Müller (1972), Michel Platini (1984), Rudi Völler (1984 e 1988), Wayne Rooney (2004) e Antoine Griezmann (2016);

Por fim, Cristiano Ronaldo é o primeiro jogador europeu com dois ou mais golos em pelo menos quatro fases finais de um Campeonato Europeu, ultrapassando a marca do sueco Zlatan Ibahimovic (2004, 2008 e 2012) com dois golos em 2004, três golos em 2012, três golos em 2016 e agora quatro golos (pelo menos) em 2020.

Acreditando na tenacidade de Cristiano Ronaldo, podemos antecipar que muitos outros recordes virão.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ronaldo na seleção até ao Europeu de 2024

Ronaldo em Lisboa a preparar regresso ao Manchester United

Luis Rubiales vai a julgamento pelo beijo não consentido a Jenni Hermoso