Mais de 100 países comprometem-se a reduzir as emissões de metano em 30% até 2030

Mais de 100 países comprometem-se a reduzir as emissões de metano em 30% até 2030
Direitos de autor Laurent Cipriani/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mais de 100 países comprometeram-se, esta terça-feira, a reduzir as emissões de metano em 30% até 2030, em comparação com 2020. Portugal e os Estados Unidos foram dois desses países. A União Europeia também assumiu o compromisso, na COP 26.

PUBLICIDADE

Mais de 100 países comprometeram-se, esta terça-feira, a reduzir as emissões de metano em 30% até 2030, em comparação com 2020. Portugal e os Estados Unidos foram dois desses países. A União Europeia também assumiu o compromisso, na COP 26.

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, defendeu que "cortar as emissões de metano é uma das coisas mais eficazes que se pode fazer para reduzir o aquecimento global a curto prazo e manter 1,5 graus Celsius."

O presidente dos Estados Unidos salientou que o que será feito "entre agora e 2030 terá um impacto significativo" na capacidade "de cumprir o compromisso de longo prazo". Joe Biden defendeu que "uma das coisas mais importantes que se pode fazer nesta década decisiva para manter a meta de 1,5 graus é reduzir as emissões de metano o mais rapidamente possível". 

O Compromisso Global do Metano foi lançado formalmente, esta terça-feira, na cimeira das Nações Unidas sobre as alterações climáticas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Incêndio em carruagem na Índia provoca pelo menos nove mortos

Maior campo de gás da Europa vai encerrar em outubro

Navio de armazenamento e regaseificação na Toscana gera contestação