This content is not available in your region

Migrantes dizem pagar 3 mil euros para atravessar Canal da Mancha

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Migrantes dizem pagar 3 mil euros para atravessar Canal da Mancha
Direitos de autor  via AFP video

Este acampamento terá sido a casa provisória dos 31 migrantes que morreram afogadas no Canal da Mancha. Fica nos arredores da cidade francesa de Dunquerque. Por aqui passam centenas de pessoas que querem mudar de vida e atravessar o canal até ao Reino Unido, e são cada vez mais a arriscar a travessia.

Ahmad Waqar quer ir para Londres, onde mora o irmão. Diz que pagou 3 mil euros para fazer a viagem mas ainda não partiu. Conta que o "agente", como lhe chama, levou o dinheiro de 150 pessoas prometendo a viagem que nunca aconteceu.

"Levou o dinheiro de 150 pessoas e nunca mais apareceu cá", conta Waqar.

França e Reino Unido de 'costas voltadas'

O governo francês convidou o Reino Unido, a Comissão Europeia e alguns países do bloco para um encontro sobre a migração ilegal este domingo, em Calais, França.

Boris Jonhson enviou uma carta a Emmanuel Macron com sugestões de como terminar com a crise migratória. Tornou-a pública, no twitter. Logo a seguir, França retirou o convite do Reino Unido para a reunião.

Desde janeiro deste ano, mais de trinta mil migrantes tentaram atravessar o canal e chegar Reino Unido, destes, oito mil foram resgatados do mar.