This content is not available in your region

Papa conclui visita à Grécia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Papa conclui visita à Grécia
Direitos de autor  Thanassis Stavrakis/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved

O Papa Francisco concluiu esta segunda-feira uma visita histórica de dois dias e meio à Grécia, fortemente marcada pela crise migratória.

A última paragem do Sumo Pontífice foi num encontro com estudantes numa escola católica dos arredores de Atenas, marcada por um apelo para que as gerações mais jovens "não se contentem com encontros virtuais", mas que "procurem encontros reais".

Tradicionalmente próximo dos mais novos, o Papa sublinhou que "hoje em dia muitos estão bastante presentes nas redes sociais, mas são pouco sociáveis e [...] prisioneiros dos seus telemóveis".

Um dos pontos altos da visita do líder da Igreja Católica à Grécia foi a passagem pela ilha de Lesbos, durante a qual esteve reunido com refugiados e onde fez questão de lançar um apelo a uma melhor integração dos migrantes na Europa.

Papa Francisco:"Não deixemos que o nosso mar se transforme num mar desolado de morte. Não deixemos que este ponto de encontro se transforme num teatro de conflito. Não deixemos que este mar de memórias se transforme num mar de esquecimento. Irmãos e irmãs, por favor, vamos pôr fim a este naufrágio civilizacional."

O Papa foi recebido calorosamente pelos migrantes acolhidos no campo de Mavrovouni, onde se encontram atualmente mais de 2200 requerentes de asilo. O Sumo Pontífice já tinha visitado outro campo de migrantes durante uma anterior visita a Lesbos, em 2016, o de Moria, destruído há um ano por um incêndio devastador.