This content is not available in your region

Governo dos Países Baixos toma posse

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Governo dos Países Baixos toma posse
Direitos de autor  Peter Dejong/The Associated Press

O quarto governo de coligação consecutivo do primeiro-ministro Mark Rutte tomou posse nos Países Baixos, 10 meses depois das eleições.

A cerimónia oficial aconteceu esta segunda-feira, no palácio real em Haia, onde fica a sede do Parlamento.

O novo governo promete grandes investimentos na luta contra as alterações climáticas. Quer construir duas centrais nucleares e gastar 35 mil milhões de euros durante 10 anos no aquecimento global. Com este objetivo, o país terá pela primeira vez um ministro para o Clima e Energia.

Destaque também para a questão da paridade. O novo executivo holandês deverá ser composto por um número recorde de mulheres. Entre ministérios e secretarias de Estado haverá 14 mulheres de um total de 29 governantes.

A curto prazo, uma das primeiras tarefas do governo será a de decidir se o "confinamento", em vigor até sexta-feira no paísm vai ou não continuar.

Os Países Baixos têm, por estes dias, as medidas mais restritivas da Europa. Bares, restaurantes e a maioria das lojas estão fechados desde dezembro, quando as restrições entraram em vigor para travar máximos diários de novos casos de covid-19.