EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Suécia reforça presença militar na ilha báltica de Gotland

Suécia reforça presença militar na ilha báltica de Gotland
Direitos de autor frame
Direitos de autor frame
De  Maria Barradas com AP, AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Face à tensão crescente entre a Rússia e o Ocidente, a Suécia está a reforçar o dispositivo militar na ilha estratégica de Gotland, situada no Báltico

PUBLICIDADE

Face à tensão crescente entre a Rússia e os países ocidentais, o governo sueco está a reforçar com tropas e arsenal militares a ilha de Gotland. Este sábado foram transportados veículos militares e diverso material para a ilha.

Gotland é a maior ilha sueca, estrategicamente localizada no Mar Báltico, onde está instalado um sistema de defesa antimíssil terra-ar atualizado.

Este movimento de tropas surge após as negociações infrutíferas entre a Rússia e o Ocidente para tentar desanuviar as tensões na fronteira entre a Rússia e a Ucrânia e a seguir ao ataque cibernético na Ucrânia.

Na Ucrânia não restam dúvidas sobre a origem do ataque: "Podemos seguir claramente a sua assinatura. São os especialistas russos que realizam estas ações. Tenho 99,9% de certeza", diz o secretário do conselho de segurança nacional e defesa do país, Oleksiy Danilov.

As tensões entre a Ucrânia e a Rússia têm escalado nos últimos meses, depois de Moscovo ter reunido cerca de 100.000 tropas perto da fronteira da Ucrânia, alimentando o receio de uma invasão.

Moscovo diz não ter planos para atacar e rejeita a exigência de Washington de retirar as suas forças, dizendo que tem o direito de as destacar para onde quiser no seu território.

Uma semana de conversações com o envolvimento dos Estados Unidos, da Nato, da OSCE não fez evoluir um milímetro a situação. A tensão permanece muito forte.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O futuro da Europa: dos combustíveis fósseis à dependência dos metais?

ABBA World, uma nova exposição em Malmö

Suécia passa a permitir mudança de género a partir dos 16 anos