This content is not available in your region

Petrolífera australiana Woodside vai abandonar o Myanmar

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Woodside
Woodside   -   Direitos de autor  Richard Wainwright/RICHARD WAINWRIGHT, AAP Image/Richard Wainwright NO ARCHIVING

A gigante petrolífera Woodside anunciou que vai sair da Birmânia, depois de nove anos no país.

A decisão foi comunicada por um dos acionistas da empresa australiana que aponta como motivação principal a falta de direitos humanos no país.

A Woodside é mais uma das muitas empresas a abandonar a Birmânia desde o Golpe de Estado.